De João a 14 de Agosto de 2008 às 22:39
A comunidade cigana recusa-se a trabalhar, posta o inteligente. Estive esta semana nas feiras de Braga e Barcelos e vi centenas de ciganos a trabalhar. Todos os dias vejo dezenas de carrinhas de ciganos estacionadas à porta de casa com a parafernália própria para a montagem das barracas de feira.
Não gostam de trabalhar nas obras nem nas fábricas? Não, não gostam, vem do milenar espírito nómada e libertário. E daí, deve-se disparar quando roubam, porque são ciganos e por isso automaticamente suspeitos de tenebrosos crimes além do que estão a praticar, roubar ferro-velho?
Se fossemos por aí, o que fazer aos empresários que roubam os salários dos trabalhadores, encerram as empresas, roubam as máquinas e abrem nova empresa na porta ao lado? A GNR deve persegui-los e disparar para os pneus?


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres