De Cátia a 13 de Agosto de 2008 às 10:26
Parece que até num bom blog informativo tenho de ler comentários sanguinários. Chico da Tasca, não acha que está a exagerar? Lá porque a criança/jovem é de etnia cigana, a sua vida tem menos valor do que se não fosse de alguma etnia?

Parece-me que os srs. agentes da polícia deviam ter mais cuidado com o uso que dão às suas armas. A vida humana vale mais do que um monte de ferro velho e devia valer mais do que qualquer bem...

O que dizia Eça do seu tempo continua a ser actual, inclusivé as seguintes palavras: «O país perdeu a inteligência e a consciência moral./Os costumes estão dissolvidos, as consciências em debandada./ Os caracteres corrompidos. / A prática da vida tem por única direcção a conveniência. / Não há princípio que não seja desmentido. / Não há instituição que não seja escarnecida. / Ninguém se respeita.»


De Chico da Tasca a 13 de Agosto de 2008 às 12:30
E você acha que a policia apontou ao miudo com o intuito de o liquidar ?

Acha mesmo que a policia sabia que dentro do carro havia um menor ?

Como é que quer que a autoridade detenha um meliante que anda a roubar quem trabalha ? Estendendo-lhe uma passadeira ?

Não é por serem ciganos os envolvidos, a lei aplica-se a todos, mas uma coisa é certa : a comunidade cigana recusa-se a trabalhar, e é conhecida por sistemáticamente infrigir a lei das mais variadas formas, em acumulação com o Rendimento Minimo e o usufruto de casas pagas por nós.

Conhece algum cigano que ande nas obras, ande a trabalhar em fábricas, em escritórios ou seja onde fôr ?

Se assim é, porque diabo é que a sociedade, eu incluido, os tem de sustentar, e ainda por cima, suportar os seus actos criminosos ?


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres