Comentários:
De Spacek a 31 de Maio de 2008 às 18:23
Amy!? Podendo ter Nicole Wills and The Soul Investigators para quê Amy?


De Spacek a 31 de Maio de 2008 às 18:26
"Num festival famoso pelos actuações sensaboronas e milimetricamente previsíveis dos Sting ou Santanas fora de estação..

100% de acordo.


De Lutz a 31 de Maio de 2008 às 21:59
Ah, outro que discorda desta censura filistra que se lê em todo o lado sobre o concerto da Amy.


De Free Time a 31 de Maio de 2008 às 23:11
Visitem o meu blog.


De Mário Tomé a 1 de Junho de 2008 às 01:43
Tudo bem. Mas antes que sejamos apanhados pelo Acordo Ortográfico aqui fica a dica amiga: onde está sobre, escrever sob. Onde está vêm, escrever vêem.
Não te quero ver ministro ou pivot de TV, e é onde vais parar se continuas a confundir o sobre com o sob.
Abraço
Mário T.


De Minerva McGonagall a 1 de Junho de 2008 às 22:43
Uma coisa é as bandas tocarem as músicas ao vivo tal e qual como nos discos, outra coisa é a cantora grunhir em vez de cantar. Parece-me que a segunda hipótese é claramente mais problemática para quem assiste ao espectáculo, principalmente tendo em conta que é de música que falamos.

Concordo que a qualidade dos músicos que acompanharam a Amy salvaram a coisa, principalmente os cantores, mas isso é habitual neste mundo. A grande maioria dos cantores de música pop são uns desafinados ao vivo, o que lhes vale são os restantes músicos.

Gostei da actuação dos Bon Jovi. São uma banda forte e com um excelente vocalista. Deu gosto. E eu até nem aprecio deste género de música. Como diria o outro, eu é mais bolos e Pat Metheny.


De Samuel a 2 de Junho de 2008 às 01:13
Um dia alguém há-de indicar-me alguma coisa que uma pessoa, seja cantor, arquitecto, piloto de aviação comercial, funcionário de limpeza, etc, faça melhor, de forma mais competente, criativa, interessante... por estar a cair de bêbeda.


De antonio a 2 de Junho de 2008 às 14:43
Pah...acredito nessa do Shane McGowan, esse gajo era movido a cerveja. Mas eu também já vi gajos cheios de coca e booze a entornarem-se todos em palco (lá fora) e aquilo não tinha grande interesse. É preciso ser-se movido a (nome do alterador de estado de consciência aqui...) senão a coisa cheira a postiço... a menos que se seja um grande actor também.


De Cold a 3 de Junho de 2008 às 00:27
Prefiro este: http://www.youtube.com/watch?v=VxCM9dellRs



Comentar post