Comentários:
De Tobias a 21 de Maio de 2008 às 11:00
É para rir?


De Pedro Sales a 21 de Maio de 2008 às 12:10
Até é capaz de ser mais para chorar. Pensar que são estas as preocupações dos juízes, e que pretendem fazer o Conselho Superior de Magistratura perder tempo com o estacionamento dos carros, faz-nos pensar duas vezes sobre as razões dos atrasos da justiça.


De Hélio Martins a 21 de Maio de 2008 às 15:08
Se se preocupassem mais com resolver os processos que estão em atraso no tribunal, em vez de andarem preocupados em saber onde é que estacionam os carros talvez este´país começasse a andar para a frente. (Portugal cada vez mais se parece um daqueles países do corno de áfrica).


De Alberto gomes a 21 de Maio de 2008 às 17:32
Acho que é uma preocupação muito pertinente.
Penso que álem das competências, também devia ser distribudo aos juizes responsáveis um boné e um crachá.


De mdsol a 21 de Maio de 2008 às 22:40
Obrigada pelo post. É que isto é mau demais para ser verdade... Há grupos profissionais que se são retirados da redoma dos pergaminhos ficam nuzinhos de todo...

:)


De max a 22 de Maio de 2008 às 14:27
O problema dos popós, caro sales, é mesmo relevante.:)) Nem imagina o que sofrem alguns juízes...

Como advogado demando, naturalmente, variados tribunais. E eu cá sei de um, não interessa qual, onde o Meritíssimo deixa a sua viatura em "segunda fila". Se alguém buzinar, existe um funcionário diligente que vai lá retirar o bólide...

É mesmo um país em "inho"


De l.rodrigues a 22 de Maio de 2008 às 23:13
É caso para implementar um passe social, e pô-los todos a andar de autocarro...


De pnf a 23 de Maio de 2008 às 12:09
É impressionante como a realidade consegue sempre superar a ficção. Qual seria o humorista que se lembraria de coisa mais non-sense e divertida? É só rir.


Comentar post