Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Zero de Conduta

Zero de Conduta

16
Nov07

O glorioso caminho para a novilíngua socialista

Pedro Sales
Vieira da Silva parece ter atingido o ponto em que o seu discurso deixou de ser inteligível, um processo também conhecido como o síndroma Manuel Pinho e Mário Lino. Hoje, reagindo às notícias que dão conta que o desemprego permaneceu nos 7,9% no último trimestre, congratulou-se com os números, dizendo que "este ano a taxa de desemprego não cresceu do segundo para o terceiro trimestre. É um bom sinal". O bom sinal perscrutado por Vieira da Silva corresponde à estabilização do desemprego no nível mais elevado de sempre e na terceira taxa mais elevada da zona euro. As suas declarações revelam um notável esforço para torturar os números até eles cederem, pelo cansaço, ao notável esforço para criar uma novilíngua socialista. Vejamos.
  • Só "no terceiro trimestre, foram criados mais 45 mil postos de trabalho", disse Vieira da Silva. É verdade. Mas, se foram criados 45 mil postos de trabalho e aumentou o número absoluto de desempregados, isso só quer dizer que a criação de postos de trabalho não responde à entrada de mais pessoas na população activa.
  • O desemprego estabilizou, garante o ministro. Meia verdade. Do segundo para o terceiro trimestre é verdade. Mas, em relação ao mesmo período do ano passado, que é o que conta, aumentou mais 0,5%. Não é preciso ter andado numa faculdade de economia para perceber que as variações sazonais de emprego são pouco importantes. A taxa homóloga é o indicador mais relevante e esse, claro, foi um número que Vieira da Silva nunca referiu. O que importa não é a queda, mas a forma como se aterra.
O ministro reconheceu que o problema do desemprego ainda não está resolvido. Ainda bem que reconhece. Há 444 400 boas razões para que assim proceda.

6 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

ZERO DE CONDUTA

Filipe Calvão

José Neves

Pedro Sales

Vasco Carvalho


zeroconduta [a] gmail.com

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D