De Rodrigo a 5 de Setembro de 2007 às 21:31
Caro Pedro Sales,

A partir do link que fundamenta a sua declaração, retirei no fim este parágrafo:

"David Damião admitiu, assim, que as mudanças possam ter sido introduzidas por pessoal do gabinete do primeiro-ministro, do seu secretariado ou até do Governo em geral. Garante, todavia, que "não eram do conhecimento" de Sócrates. "O que foi feito foi repor a verdade", rematou, ao JN, o assessor de Imprensa."

A expressão "do governo", é algo "genérica" e pode ser mal interpretada, como foi no seu caso.

Todavia, o título foi feito antes de qualquer alegação por parte do CEGER ou partidários/colaboradores do Sr. José Sócrates.

Cumprimentos,
Rodrigo Selada


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres