Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Zero de Conduta

Zero de Conduta

18
Jul07

Da mentira como uma das belas artes (redux)

Pedro Sales
O João Pedro Henriques, no Glória Fácil, chama a atenção para o novo mono que vai substituir o Hotel Estoril Sol, em Cascais, lembrando as promessas de Capucho quando este afiançava que ia pôr um ponto final nesse "atentado paisagístico" “Assim temos um mono substituído por outro e a prova provada que Capucho mentiu com quantos dentes tinha na boca”, conclui o João Pedro.

O fenómeno está longe de ser um caso isolado, afectando até personalidades com responsabilidades bem maiores do que as de Capucho. Quem é que não se lembra de ver o primeiro-ministro, numa espectacular manobra de propaganda, a carregar num botão que não estava ligado a lado nenhum, para implodir as torres de Tróia? Um marco no turismo, disse Sócrates, prometendo qualidade e respeito pelo ambiente.

Ainda não passaram dois anos e o resultado está à vista. As duas torres foram-se, mas apenas para serem substituídas por uma dúzia delas. Um pouco mais pequenas, é certo, mas a uma escassa dezena de metros da água. As primeiras ficam mesmo em cima do cais de embarque. Aí, onde antes existia uma praia, não se esforcem muito para a encontrar. Não vale a pena. Foram retiradas centenas e centenas de toneladas de areia para aí nascer uma frondosa marina. Depois, daqui a 50 anos, quando a maré ameaçar galgar o paredão e entrar pelos condomínios adentro, venham dizer que são as marés vivas e falar na erosão da orla costeira.

2 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

ZERO DE CONDUTA

Filipe Calvão

José Neves

Pedro Sales

Vasco Carvalho


zeroconduta [a] gmail.com

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D