De pedro a 17 de Julho de 2008 às 18:22
Não adianta. Não se canse. Respondem-lhe que elites sempre as há-de haver, seja o ensino bom ou mau. Sim , os génios nascem em Paris e vêm no bico da cegonha. Já tive essa conversa com gente que estimo, que tenho em alguma conta: é como falar como uma parede, tal a crosta de lugares-comuns, complexos e preconceitos. Às vezes pergunto-me se não haverá aqui alguma esquizofrenia. É que algumas pessoas nem se deviam dar ao luxo de falar dessas coisas comigo: eu próprio, com trinta e tais, sou um produto desse ensino facilitista dos pobrezinhos, um ser inferior. Nem sei como consigo alinhavar uma dúzia de palavras. Se calhar sou uma amiba e nem dou conta. Mesmo algumas pessoas que arengam contra a qualidade do ensino são tão ou mais produto da escola dos pobrezinhos como eu.
A soberba de MF Mónica é insuportável. Sabe tanto do ensino básico e secundário como eu sei de mecânica industrial mas, porque leu dois ou três programas, uma dezena de exames e um ou dois decretos pela rama, já se dá ares de grande autoridade. Se são estas as elites que saíram da excelente escola pré-74, está explicado atraso de Portugal.


De Antero de Quental a 17 de Julho de 2008 às 22:16
De facto parece ter saído de uma ensino pouco rigoroso, senão, saberia que não é necessário ofender as pessoas para rebater as suas ideias!


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres