Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2008
Este país não é para crianças

fotografia de Paulete Matos

Pobreza. Relatório da Comissão Europeia diz que Portugal é o segundo país da UE onde o risco de pobreza infantil é maior. A subida do desemprego, o baixo nível de vida e a elevada taxa de abandono escolar são factores que explicam o retrato negro. Uma em cada cinco crianças portuguesas está exposta ao risco de pobreza, o que faz de Portugal o País da União Europeia, a seguir à Polónia, onde as crianças são mais pobres ou correm maior risco de cair nessa situação.

O mesmo relatório permite concluir que a situação portuguesa nesta matéria não só piorou em termos absolutos face ao último balanço realizado sobre a matéria em 2005 ( referente a rendimentos apurados em 2004) como também ficou mais isolada em termos comparativos.

publicado por Pedro Sales às 13:23
link do post | comentar |

Comentários:
De p.heinz@sapo.pt a 25 de Fevereiro de 2008 às 16:49
O Ministério da Educação deveria estar atento a este estudo. É que é complicado estar bem numa sala de aula quando se tem fome, frio e todo o tipo de carências que a situação de pobreza implica.
Se, em vez de olhar sempre para os mesmos (leia-se, professores) à procura de responsabilidades, o Governo tentasse perceber que a Escola não pode funcionar quando a sociedade também não funciona.


De p.heinz@sapo.pt a 25 de Fevereiro de 2008 às 16:51
fazia melhor. (continuação do post anterior)


Comentar post

Zero TV
ZERO DE CONDUTA
Filipe Calvão

José Neves

Pedro Sales

Vasco Carvalho


zeroconduta [a] gmail.com
Indecisão 2008
Subscreva
Zero links
arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Feeds