Sábado, 29 de Dezembro de 2007
Se não sabe porque é que pergunta?
O Banco de Portugal garantiu ontem que a mais recente contra-ordenação ao BCP reporta-se a novos casos porque “a natureza e actividade destas sociedades foram sempre ocultadas pelo BCP, nomeadamente em anteriores inspecções.” Ora aí está uma bela definição da forma como funciona a instituição presidida pelo senhor Constâncio. Se os prevaricadores não confessam a extensão das irregularidades, o Banco de Portugal arruma as malas e dá a inspecção e fiscalização por encerrada. Entre cavalheiros de bem é assim. Mais valia enviar uns formulários e dispensava-se mesmo o indizível senhor Constâncio. Bem vistas as coisas, o resultado final não deveria ser muito diferente e sempre se poupava uns cêntimos valentes ao erário público.

publicado por Pedro Sales às 19:21
link do post | comentar |

Comentários:
De Gabriel a 30 de Dezembro de 2007 às 23:38
bem visto.


De st3veS. a 30 de Dezembro de 2007 às 22:12
sabem que mais......Bom ano a todos!!!


De josé manuel faria a 30 de Dezembro de 2007 às 18:52
O blog 0 de conduta é o melhor blog de esquerda em Portugal.


De cadeiradopoder a 30 de Dezembro de 2007 às 13:11
O mais provável é que o puxão de orelhas do Banco de Portugal surja por o BCP se ter deixado apanhar...


Comentar post

Zero TV
ZERO DE CONDUTA
Filipe Calvão

José Neves

Pedro Sales

Vasco Carvalho


zeroconduta [a] gmail.com
Indecisão 2008
Subscreva
Zero links
arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Feeds