Domingo, 19 de Agosto de 2007
Será possível descer mais baixo, ou já bateram no fundo?
Helena Lopes da Costa viu, em poucos dias, dois dos seus três filhos serem ameaçados de morte enquanto passa férias no Algarve. O filho mais novo da deputada do PSD, António Maria, terá mesmo sido perseguido num aldeamento na Balaia, enquanto a mãe estava a jantar em Quarteira na Festa do Pontal, na passada terça-feira à noite.

"Custa-me a acreditar em motivações políticas, até porque sou militante há muitos anos e nunca vivi uma situação destas, mas há, de facto, coincidências muito estranhas", disse a deputada, apoiante de Luís Filipe Menezes na luta pela liderança do PSD.

Uma dessas coincidências, de acordo com a deputada, refere-se ao facto de ambos os filhos ameaçados serem militantes do PSD e de os seus números de telemóvel constarem da base de dados do partido.
Em declarações à RTP, a deputada adiantou que a sua filha foi a única que não recebeu ameaças de morte no telefone e, ao contrário dos seus irmãos, o seu número de telefone não consta na base de dados do partido.

Segundo a edição de ontem do Correio da Manhã, Fátima Oliveira, de 43 anos, pagou, “por amizade”, as quotas de 245 militantes do PSD, num valor total de 3996 euros. Tempos depois descobriu que os pagamentos, embora feitos individualmente, foram considerados ‘pagamento em massa’ pelo Conselho de Jurisdição Nacional (CJN) do partido, por serem provenientes da mesma conta bancária. Logo, foram recusados. Desde então esta directora financeira está em guerra aberta com a Secretaria-Geral do partido para reaver o seu dinheiro. E já apresentou uma queixa-crime.

“Não sou militante do PSD nem de nada, o que me motivou foram relações de amizade que mantenho há alguns anos com militantes da secção A de Benfica”, garante.


Para quem não se lembra, fez ontem uma semana que Luís Filipe Menezes se mostrou indignado com o nível da campanha do PSD, avisando Marques Mendes que não são apenas candidatos a líder do PSD, "mas estão também a ombrear com José Sócrates para vencê-lo como primeiro-ministro". Pois. É já a seguir... é que é já a seguir.

Ainda faltam cinco semanas para as eleições directas no PSD.

publicado por Pedro Sales às 22:31
link do post | comentar |

Comentários:
De jf a 23 de Agosto de 2007 às 13:28
"Quanto mais se bate no fundo mais o fundo se afunda".


Comentar post

Zero TV
ZERO DE CONDUTA
Filipe Calvão

José Neves

Pedro Sales

Vasco Carvalho


zeroconduta [a] gmail.com
Indecisão 2008
Subscreva
Zero links
arquivos

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Feeds