Comentários:
De Anónimo a 24 de Janeiro de 2008 às 16:25
Olá, boa tarde,

Faria mais sentido que as editoras e os autores não tivessem livros em formas parecidas com maços de tabaco devido a desvalorização da obra literária.

Porque parece aqui que quem tem nome a defender são os das tabaqueiras e não o contrário

Cumprimentos
César Oliveira
http://www.profissionalweb.net/blog/
http://www.profissionalweb.net/cursos/
http://www.profissionalweb.net/sondagens/


De Paula Crespo a 23 de Janeiro de 2008 às 12:37
É a inversão total de valores (parece que estamos a ver o filme de pernas pró ar!...)
Dá vontade de citar: "Ele há coisas fantásticas, não há?!" :-)


De Afrika a 22 de Janeiro de 2008 às 23:46
Hummmm parece-me mais ao contrario!
A empresa tabaqueira esta mais apreensiva pelo facto de que se possa pensar que se trata de induzir os compradores de tais livros ao (lavagem cerebral)consumo de determinadas marcas de tabaco! -Caso dos fumadores, mais do que evidente.


De Booktailors - Consultores Editoriais a 22 de Janeiro de 2008 às 13:37
Brilhante!


De Leonor a 22 de Janeiro de 2008 às 08:47
ou de como os deuses devem estar loucos...

fiz um link no meu blog para esta notícia

já tinha deixado um comentário (achava eu) ontem mas como não o vejo hoje, cá vai outra vez


Comentar post